POSTS RECENTES

A Culpa É das Estrelas

(imagem não autoral)
Olá pessoas que estão me acompanhando em mais um dia de BEDA!
Hoje trouxe uma das minhas resenhas “relíquias”, então não reparem na falta de texto. Trouxe mesmo essa resenha hoje porque é um livro/historia que a maioria das pessoas conhecem e que mexeu com meu coração.

A Culpa É Das Estrelas

John Green


"A Culpa é das Estrelas" é um romance dramático e para mim, muito bem humorado. Hazel, é uma menina de 16 anos que tem câncer de tireóide. (Ok, isso não é novidade). Apesar de seu câncer está estabilizado por causa de um novo tratamento, Hazel não sai muito de casa e obviamente também não tem muitos amigos.
Sua mãe preocupada com a possível depressão de sua filha, procurou ajuda para a filha que acabou resultou em um grupo de apoio para “tristeza” de Hazel.
Apesar de contrariada, Hazel vai ao encontro do grupo, onde ela acaba se esbarrando pela primeira vez com Augustus.

Augustus é um garoto bonito, engraçado e muito simpático. Sentimos uma ligação dele com Hazel logo de cara.
“Guss” também teve câncer e, consequentemente teve que amputar uma das pernas para retirar seu tumor. E no momento ele estava livre do câncer.
Outro personagem que se junta aos dois é Isaac, um amigo de Guss que têm câncer no olho e estava prestes a se tornar cego.

Uma amizade feita por causa do câncer. Hazel e Guss vão descobrindo que tem muito mais coisas em comum. E Guss aos poucos vai trazendo mais vida para Hazel, já que seu mundo é um pouco apagado.
Aos poucos eles vão descobrindo coisas novas e essa aproximação começa a gerar um romance leve e delicado.

E como todos nós já esperamos, em um livro que aborda um assunto delicado como o câncer, ficamos com medo do que vem pela frente. E o que vem pela frente abala todos nós.

Impossível não chorar com este livro. Perdi as contas de quantas vezes me peguei chorando enquanto lia. Devo dizer também que fui enganada no final sobre o que ia acontecer. Eu esperava por outra pessoa.
Bem, eu também não tenho mais palavras para descrever este livro que mesmo sendo trágico, ele me envolveu de uma forma inexplicável!  A certeza que tenho é que “Alguns infinitos são maiores que os outros”  e este infinito, foi compartilhado com milhares de pessoas…

Esta resenha foi revisada e atualizada, depois da primeira publicação blog Doce Leitura. 


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Informações sobre o livro:

A Culpa É das Estrelas

John Green

Editora Intrínseca
288 páginas

Sinopse: "Hazel foi diagnosticada com câncer aos treze anos e agora, aos dezesseis, sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões. Ela sabe que sua doença é terminal e passa os dias vendo tevê e lendo Uma aflição imperial, livro cujo autor deixou muitas perguntas sem resposta. Essa era sua rotina até ela conhecer Augustus Waters, um jovem de dezessete anos que perdeu uma perna devido a um osteosarcoma, em um Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Como Hazel, Gus é inteligente, tem senso de humor e gosta de ironizar os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas. Com a ajuda de uma instituição que se dedica a realizar o último desejo de crianças doentes, eles embarcam para Amsterdã para procurar Peter Van Houten, o autor de Uma aflição imperial, em busca das respostas que desejam." 
© BLOG CORAÇÃO DE LEITORA. Todos os direitos reservados.
Editado por: VICTÓRIA DANTAS.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo