Resenha: Uma Chance Para Recomeçar




Uma Chance Para Recomeçar, conta a história de duas pessoas completamente diferentes
que tem pelo menos uma coisa em comum: a solidão.
Carina é aquele tipo de mulher que vive para trabalhar. Não há espaço na sua vida a
não ser o trabalho. Parecia um casamento, onde estavam conectados praticamente 24 horas.



Mais uma coisa começa a mudar neste “relacionamento” perigoso: Carina acorda um dia com
metade do rosto completamente paralisado e o pânico toma conta da sua vida.
Com medo de permanecer para sempre naquele terrível estado, ela terá que afastar por um
tempo do trabalho para se dedicar ao seu tratamento e a fisioterapia. E é aí que ela
encontrará com Aurélio pela primeira vez.


Aurélio, um homem marcado pela vida físico e emocionalmente. As turbulências da vida lhe
deixaram marcas imagináveis, que mudara sua vida completamente. Há dez anos ele havia
perdido sua família e como se não bastasse, ficado cego.
As marcas do acidente ainda estavam ali e ele dia após dia tentava permanecer de pé como
massoterapeuta.


A amizade deles é construída de forma lenta e levemente conturbada. Aurélio fica com
“muito pé atrás” em relação a como Carina o trata, já que ele se sente um monstro devido
a sua aparência. E Carina se vê atraída por aquele homem tão misterioso.


“Entrei no carro me questionando: Eu estou tão carente a ponto de sentir-me
atraída pelo primeiro homem em vários anos que não me trata como uma
máquina de trabalho, e, sim como uma pessoa? Mesmo que este homem seja
muito estranho e extremamente instável?”


O livro se constrói pelos pontos de vista (alternados) entre Carina e Aurélio. Uma amizade
(improvável) que aos poucos vai florindo um sentimento, onde Aurélio tenta não enxergar,
deixando um grande obstáculo para Carina conseguir uma brecha no coração de Aurélio.


Uma história cheia de dor, superação e também alguns preconceitos. Nessa linda história de
Diana Scarpine, conhecemos o auto-preconceito de Aurélio por sua situação, que não
acredita que pode ser feliz e ter uma segunda chance.
De forma delicada a autora nos faz entrar no coração do personagem e conhecer todas as
suas dores e temores.
Também conhecemos a esperança dessa história, já que Carina é uma moça que não se
deixa levar pelas aparências e preconceitos mesquinhos.


Mais uma vez eu preciso dizer o quanto estou admirada com a escrita e a sensibilidade de
Diana, por escrever histórias tão tocantes e marcantes.
São poucos os autores que têm a sensibilidade de escrever romances com assuntos tão
delicados.
Eu queria dizer muito mais a vocês leitores sobre essa história porém, seria um spoiler
imenso. O que posso dizer para vocês é: para abrir o coração longe dos preconceitos e
sentir amor.

Mais uma vez finalizo um livro cheia de empatia no coração. Muito obrigada Diana! Foi um
prazer imenso conhecer mais uma história feita por você.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Informações sobre o livro:
Uma Chance Para Recomeçar —  Diana Scarpine | Editora Pandorga | 432 páginas

Sinopse: Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma das suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e deseja aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe sequelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos precisam ser vencidos para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?



© BLOG CORAÇÃO DE LEITORA. Todos os direitos reservados.
Editado por: VICTÓRIA DANTAS.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo