Resenha Book Tour: Eram Olhos Enfeitados de Sol








Sabe aquele livro profundo, que lembra os livros de literatura lidos nos tempos de escola e
que, precisam ser lidos com calma e compreendidos com a alma?
É o que este livro representou para mim.
Sua escrita de jeito poético e calmo, mostra a vida e um personagem com vida digamos que
entediante e as vezes até nos deparamos com certas confusões e possível delirio.


"(...) Não sei como as coisas funcionam, mas, por que tanta volta, Deus?
Meu pai era silêncio e resignação e ela cuidava de tudo; e quando se foi,
nada me restou senão partir pro mundo, ainda muito jovem."


O autor não dá muitas descrições aos personagens e traz muitas reflexões escondidas por
trás dos seus parágrafos, para serem refletidas com o passar da leitura. O personagem
demonstra viver de uma forma triste, solitária e muito simples, deixando o leitor cada
vez mais entretido com sua história e curioso para saber onde ele quer chegar.
É como falei, é um livro para ser lido com calma e compreendido com a alma.


A parte que para mim que ganhou mais destaque foi quando Vega aparece. Com ela,
parece que a vida do personagem/narrador ganha mais vida e ele parece querer mudar
por causa dela. Muitas vezes pensei se Vega era real ou apenas um delírio dele.


"O que vi foi uma coisa de outro mundo. Saí do bar para saborear a goiabada
na sombra e encontrei aquilo, um atentado a nossa existência medíocre.
Eram olhos enfeitados de Sol.
Nunca os vi, mas eles me olhavam como se perguntassem 'por que demorou
tanto.'(...)"


É um livro curto mas, que tem que ser bem saboreado calmamente. Dênisson Padilha com
certeza sabe como usar as palavras e sua obra, foi marcada tão belamente pela
editora Penalux.


Também quero agradecer a Leticia, do blog Resenhas, Rabiscos e um Café pela
oportunidade de leitura junto com a Editora Penalux.
Se você quer ler a resenha da Leticia sobre este livro, clique aqui.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Informações sobre o livro:
Eram Olhos Enfeitados de Sol —  Dênisson Padilha | Editora Penalux| 94 páginas

Sinopse: Texto enxuto e ao mesmo tempo recheado de poesia, esta narrativa veloz e fatalista arrebata a atenção do leitor por meio de um fluxo de consciência que conta a história de um homem de volta à sua pequena cidade natal. O personagem deve assumir a herança de uma madeireira em falência. A certa altura a trama assume ritmo de thriller, pois tudo se transforma para o protagonista. Nesse exercício, o narrador convoca o leitor não só à diversão com a história, mas à inquietação de visitar, cada um, suas próprias feridas.
© BLOG CORAÇÃO DE LEITORA. Todos os direitos reservados.
Editado por: VICTÓRIA DANTAS.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo